terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Cajá do Himalaia ( Choerospondias axillaris )

CAJÁ do HIMALAIA

( Choerospondias axillaris )


Árvore frutífera nativa do Nepal, produz em grande quantidade pequenos frutos de casca fina de cor amarelada,possui polpa suculenta e de sabor acidulado. De agradável sabor, podem ser consumidos in-natura, sucos, sorvetes e doces.

Frutifica de Dezembro a Janeiro, porém é possível ocorrer outras frutificações no decorrer do ano. Frutos ricos em vitamina C. 

Árvore ornamental, cresce até 12 metros de altura. Planta rústica, deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra. Aceita a maioria dos solos, exceto encharcados. 

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe dos frutos cortados

Detalhe dos frutos e folhas

Detalhe dos frutos




segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Espirradeira Rosa Clara ( Nerium oleander )

ESPIRRADEIRA ROSA CLARA

( Nerium oleander )


Arbusto ou arvoreta de pequeno porte, a Espirradeira Rosa Clara é uma planta muito ornamental, ideal para ser utilizada no paisagismo. Produz flores simples em grande quantidade, de cor rosa clara.

Pode ser utilizada como arbusto, cerca-vivas ou arvoretas, sendo uma ótima opção para arborização urbana. Pode ser  cultivada também em vasos.

Planta de poucos cuidados, deve ser plantada a pleno sol. Pouco exigente em irrigação, suporta ventos e maresia. Podar eventualmente para estimular a floração.

Mudas desta variedade são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:

Detalhe das flores

Utilizada como um grande arbusto


domingo, 25 de dezembro de 2016

Guabiroba Branca ou Maracujá ( Campomanesia neriiflora )

GUABIROBA BRANCA ou MARACUJÁ    RNC23638

( Campomanesia neriiflora )


Pequena arvoreta de 3 a 7 metros de altura, nativa da Mata Atlântica costeira dos Estados de São Paulo e Paraná. Produz lindos frutos de casca verde azulada, com polpa suculenta de sabor agridoce, semelhante ao maracujá.

Sempre que consumir os frutos, deve-se evitar morder a casca que possui sabor amargo ou morder as sementes que possuem sabor apimentado. Frutifica Dezembro a Janeiro.

Planta muito ornamental, produz em grande quantidade lindas flores brancas de grande tamanho. Ótima opção para uso em reflorestamentos ou para cultivo em pomares.

De fácil cultivo, deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra. Gosta de solos férteis e úmidos, porém com boa drenagem.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe dos frutos e folhas

Detalhe dos frutos

Detalhe do fruto cortado

Dimensões dos frutos em centímetros


Detalhe das flores


Detalhe da florada

Video com  a maravilhosa 
florada desta espécie, filmado no Viveiro Ciprest.  Clique na imagem: 



sábado, 24 de dezembro de 2016

Randia Pintada ou Africana ( Randia maculata )

RANDIA PINTADA ou AFRICANA

( Randia maculata )


Planta arbustiva nativa da Africa Tropical, que produz lindas flores em formato de trombetas, de cor interna branca com grande quantidade de pintas de cor arroxeado, e na parte externa possui cor roxa escura. Foi introduzida no Brasil pelo Jardim Botânico do Rio de Janeiro.

Uma ótima opção para ser utilizada no paisagismo, sendo plantada isoladamente ou em conjuntos, formando até mesmo cerca-viva, também é possível cultiva-la em vasos grandes. Além das flores, a folhagem também é muito ornamental.

Arbusto que cresce no máximo 4 metros de altura, porém é possível controlar seu crescimento com podas esporádicas. Planta de fácil cultivo, gosta de solos férteis e úmidos, porém com boa drenagem. Deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da florada

Detalhe da florada nova, ainda pouco pintada

Detalhe da florada



sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Tarumã Azeitona ( Vitex montevidensis )

TARUMÃ AZEITONA

( Vitex montevidensis )


Frutífera nativa das regiões Sul e Sudeste do Brasil. Seus frutos possuem casca lisa de cor negra-violácea, com polpa amarelada de sabor agradável, sendo adocicada e suculenta. Podem ser consumidos in-natura, doces e licores. Frutifica de Outubro a Dezembro.

Árvore de médio porte, muito bela. Produz linda florada de cor lilás azulada. Espécie de árvore indicada para reflorestamentos, pois além de ser nativa, atraí grande quantidade de animais da fauna.

Planta de fácil cultivo, deve ser plantada a pleno sol. Gosta de solos férteis e úmidos, porém com boa drenagem. Possui propriedades medicinais.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe das folhas e frutos

Detalhe dos frutos colhidos na Ciprest em Limeira-SP

Detalhe da florada

Nossa árvore de Tarumã Azeitona em Limeira-SP





quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Jacobínia ou Justícia Amarela ( Justicia aurea )

JACOBÍNIA ou JUSTÍCIA AMARELA

( Justicia aurea )


Arbusto ornamental nativo do México e da América Central, que chega no máximo a 2 metros de altura. Planta muito ornamental, produz numerosas flores amarelas vibrantes quase o ano todo, principalmente na primavera e no verão.

Planta muito apreciada por borboletas e beija-flores. Ótima opção para uso no paisagismo, sendo plantada isoladamente formando arbusto, ou em conjunto formando cerca-vivas. Também pode ser facilmente cultivada em vasos.

Deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra. Gosta de solos férteis com umidade constante, porém com boa drenagem. Se possível, poda-la uma vez por ano para revigorar a planta e aumentar a produção de flores.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da flor

Detalhes da planta

Detalhe da planta no formato arbustivo



terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Ruélia Azul ou Roxa ( Ruellia coerulea )

RUÉLIA AZUL ou ROXA

( Ruellia coerulea )


Pequena planta arbustiva que cresce no máximo 1 metro de altura, nativa do Brasil. Produz flores abundantemente quase o ano todo, principalmente na primavera e no verão. Suas flores de acordo com a luminosidade, são ora azuis, ora roxas. Também são atrativas de beija-flores.

Muito ornamental, é uma ótima opção para plantio em jardins, canteiros, vasos ou pequenos espaços. Gosta de podas esporádicas, o que reforça o florescimento.

Planta rústica de fácil cultivo, aceita a maioria dos solos. Também é adaptada para locais muito úmidos, sendo indicada para plantio a beira de rios e lagos. Deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra. 

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe das flores

Florescendo em grande quantidade no vaso. Planta de rápido crescimento, em menos de 1 ano formou o vaso inteiro de nossa cliente, a partir de uma pequena muda adquirida em nosso viveiro.


segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Umbo ( Spondias tuberosa )

UMBU

( Spondias tuberosa )


Nativa da região de Caatinga do Nordeste Brasileiro, produz agradáveis frutos de polpa suculenta, com sabor doce acidulado. Podem ser consumidos in-natura, sucos, sorvetes, geleias e doces.

Frutifica de Dezembro a Fevereiro. Árvore de médio porte e de rápido crescimento. Com devido preparo podem ser consumidos além dos frutos, as folhas e as suas "raízes tuberosas". Fazendo desta planta uma PANC (Planta Alimentícia Não Convencional).

Planta de fácil cultivo, gosta de solos secos e arenosos. Muito resistente a seca após sua adaptação e enraizamento na área onde for plantada a muda. Começa a produzir entre 2 a 3 anos após o plantio da muda.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe dos frutos

Detalhe dos frutos

Dimensões dos frutos


domingo, 18 de dezembro de 2016

Capota Vermelha da Venezuela ( Megaskepasma erythrochlamys )

CAPOTA VERMELHA da VENEZUELA

( Megaskepasma erythrochlamys )


Planta arbustiva nativa da Venezuela, a Capota Vermelha cresce até 4 metros de altura, apesar de ser um grande arbusto, seus crescimento é facilmente controlado com podas esporádicas. Estas podas, além de diminuírem o tamanho, também revigora a planta, estimulando seu florescimento.

Produz grande quantidade de belas flores de cor vermelha rosada durante a primavera e o verão. Além da grande beleza, estas flores também são atrativas de beija-flores.

Muito ornamental, pode ser utilizada no paisagismo com arbusto isolado ou utilizada em grupos formando cerca-vivas. Também pode ser cultivado em vasos grandes.

De fácil cultivo, deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra. Gosta de solos férteis e úmidos, porém com boa drenagem. Tolera também a salinidade de regiões litorâneas.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da florada

Em formato de grande arbusto





sábado, 17 de dezembro de 2016

Manga Donadai ou Pequi ( Mangifera indica )

MANGA DONADAI ou PEQUI

( Mangifera indica )


Variedade de manga de origem paulista selecionada e multiplicada pela Ciprest, a Manga Donadai ou Pequi produz pequenos frutos de casca amarela esverdeada, com formato e cor muito parecido com o Pequi. Possui polpa doce e suculenta, para consumo in-natura, sucos, geleias e compotas. Excelente sabor.

Frutifica em pencas, em grande quantidade. Árvore de porte médio e de rápido crescimento. Formato de copa muito bonito. Produz de Novembro a Janeiro.

Mudas desta variedade são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe dos frutos colhidos na Ciprest em Limeira-SP

Detalhe dos frutos

Detalhe dos frutos ainda verdes na penca



sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Araticum Amarelo da Montanha ( Annona montana )

ARATICUM AMARELO da MONTANHA  RNC23456

( Annona montana )


Nativo da região norte da América do Sul, incluindo a Amazônia Brasileira, o Araticum Amarelo da Montanha produz frutos de casca esverdeada. Sua polpa é amarela quando os frutos estão totalmente maduros. De sabor agradável e aromático, pode ser consumido in-natura, sucos, doces e sorvetes.

Também conhecido como Graviola Silvestre, muitas vezes é erroneamente comercializado como Graviola. Frutifica de Fevereiro a Julho, porém pode haver outras frutificações no decorrer do ano.

Árvore de pequeno a médio porte, atinge ate 12 metros de altura em seu habitat Amazônico, porém em plantios na região Sul e Sudeste atinge pouco mais de 5 metros de altura. Possui propriedades medicinais.

Planta rústica e resistente, gosta de ser cultivado em regiões de clima quente, porém tolera facilmente temperaturas frias. Deve ser plantado a pleno sol ou meia sombra. Aceita quase todos os tipos de solo, desde que tenha umidade constante.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe dos frutos

Frutificando em grande quantidade

Detalhe da árvore


quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Gardênia Africana ( Gardenia cornuta )

GARDÊNIA AFRICANA

( Gardenia cornuta )


Arbusto de crescimento lento que chega no máximo a 5 metros de altura. Nativa do continente africano, produz lindas flores grandes de cor branca, e de agradável perfume. Floresce quase o ano todo.

Planta muito ramificada, produz folhagem verde brilhante com tronco de coloração clara, com grandes espinhos. Muito ornamental, é adequada para ser utilizada como arbusto isolado em Jardins ou utilizada como cerca-viva de divisas, devido aos seus espinhos.

Planta de fácil cultivo, gosta de climas quentes. Deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra. Gosta de solos férteis e úmidos, porém com boa drenagem.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da grande flor branca perfumada

Detalhe das flores e folhas