domingo, 17 de junho de 2018

Eritrina Vermelha Alaranjada ou Corticeira da Serra ( Erythrina falcata )

ERITRINA VERMELHA ALARANJADA ou CORTICEIRA da SERRA

( Erythrina falcata ) - RNC 24046


Árvore de médio a grande porte nativa do Brasil, produz belíssima florada vermelha alaranjada durante o mês de junho principalmente, que atraem grande quantidade de papagaios e periquitos, que sugam o néctar.

Árvore com grande potencial para uso no paisagismo como na arborização urbana. Muito rústica e com ótima adaptação, pode ser cultivada em solos secos ou também em áreas de muita umidade, até mesmo brejosos. Deve ser plantada a pleno sol. Excelente opção de árvore para utilizar em reflorestamentos de áreas degradadas.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da Eritrina Vermelha Alaranjada na Arborização Urbana de Limeira-SP

Detalhe da Eritrina Vermelha Alaranjada na Arborização Urbana de Limeira-SP

Detalhe da florada

Detalhe da florada atraindo periquitos

Detalhe das flores

Detalhe da florada

Detalhe da florada




sábado, 16 de junho de 2018

Ipê Roxo de Bola ( Tabebuia impetiginosa )

IPÊ ROXO de BOLA

( Tabebuia impetiginosa ) - RNC 23326


Nativo do Brasil, ocorre principalmente na região Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste, do estado do Ceará até São Paulo. Árvore de florada extremamente bela e ornamental, com flores em conjuntos formando "bolas", sendo que estas são de cor roxa rosada, com o miolo de cor amarela. Floresce principalmente no período de maio a agosto.

Árvore de grande potencial para uso no paisagismo e na arborização urbana, onde é amplamente utilizada. Apresenta madeira de excelente qualidade, e é uma espécie excelente para o reflorestamentos de áreas degradadas.

Árvore muito rústica e de fácil cultivo. Deve ser plantada a pleno sol. Aceita a maioria dos solos. Começa a florescer em 2 a 3 anos após o plantio da muda.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Ipê Roxo de Bola florindo intensamente em Limeira-SP

Ipê Roxo de Bola florindo intensamente em Limeira-SP

Detalhe da florada

Detalhe da florada

Detalhe da florada

Detalhe da florada

Detalhe da florada

Detalhe das flores





quarta-feira, 13 de junho de 2018

Ixora Mini Vermelha ( Ixora coccinea "compacta" )

IXORA MINI VERMELHA

( Ixora coccinea "compacta" )


Pequeno arbusto, a Ixora Mini Vermelha produz belíssima e exuberante florada vermelha. De pequeno porte, dificilmente chega a 1 metro de altura, ficando geralmente por volta de 40 a 50 centímetros. Pode ser facilmente topiado para formar pequenas cercas vivas.

Planta nativa da Malásia, é amplamente utilizada no paisagismo brasileiro, pois floresce praticamente o ano todo. Pode ser cultivada em pequeno vasos, plantada em conjunto em jardineiras ou formando maciços ou pequenas cerca-vivas. Suas flores atraem beija-flores.

Planta rústica de fácil cultivo, deve ser plantada a pleno sol. Gosta de solos férteis e úmidos, porém com boa drenagem. As mudas após o plantio começam a florescer em poucas semanas.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da florada

Detalhe da planta florida

Detalhe de Ixora Mini Vermelha florescendo exuberantemente

Detalhe da florada de uma pequena cerca viva de Ixora Mini Vermelha

Detalhe da Ixora Mini Vermelha topiada





terça-feira, 12 de junho de 2018

Ixora Mini Amarela ( Ixora coccinea "compacta" )

IXORA MINI AMARELA

( Ixora coccinea "compacta")


Variação de cor da tradicional Ixora Mini Vermelha, que produz florada amarela viva. Pequeno arbusto, dificilmente chega a 1 metro de altura, ficando geralmente por volta de 40 a 50 centímetros. Pode ser facilmente topiado para formar pequenas cercas vivas.

Planta nativa da Malásia, é amplamente utilizada no paisagismo brasileiro, pois floresce praticamente o ano todo. Pode ser cultivada em pequeno vasos, plantada em conjunto em jardineiras ou formando maciços ou pequenas cerca-vivas. Suas flores atraem beija-flores.

Planta rústica de fácil cultivo, deve ser plantada a pleno sol. Gosta de solos férteis e úmidos, porém com boa drenagem. As mudas após o plantio começam a florescer em poucas semanas.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da florada


segunda-feira, 11 de junho de 2018

Caliandra Rosa Clara de Folhas Finas ( Calliandra brevipes )

CALIANDRA ROSA CLARA de FOLHAS FINAS

( Calliandra brevipes ) - RNC 34578


Também conhecida como esponja ou esponjinha, a Caliandra Rosa Clara de Folhas Finas é uma planta arbustiva nativa do Brasil. Produz exuberante florada de cor rosa, várias vezes ao ano, sendo com maior ênfase durante a primavera e o verão. Popularmente quando suas flores se abrem totalmente, corre a lenda que prenuncia a chuva que virá no final da tarde.

Planta muito empregada no paisagismo devido a sua intensa florada, pode ser utilizada como planta de vaso, ou em conjuntos formando grandes moitas, ou belíssimas cercas-vivas. Uma excelente opção de plantar para bonsai ou como arvoreta para arborização urbana. Atrai grande quantidade de beija-flores.

Espécie rústica, aceita a maioria dos solos, desde solos com muita umidade até os mais secos. Muito tolerante ao frio e geadas. Deve ser plantada preferencialmente a pleno sol. Seu crescimento pode ser facilmente controlado com podas.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da florada

Detalhe das flores

Detalhe das flores

Detalhe da florada

Detalhe da florada

Detalhe da florada

Utilizada como cerca viva topiada

Utilizada como arvoreta na arborização urbana

Utilizada como cerca viva




domingo, 10 de junho de 2018

Amburana ou Cerejeira da Caatinga ( Amburana cearensis )

AMBURANA ou CEREJEIRA da CAATINGA

( Amburana cearensis ) - RNC 23416


Também conhecida como Cumaru do Ceará ou Imburana de Cheiro, a Cerejeira Amburana é uma árvore de pequeno a médio porte nativa principalmente da Caatinga, porém também é encontrada em estado nativo, em outras regiões do pais, geralmente em afloramentos rochosos ou calcários, onde seu porte geralmente é um pouco maior.

Árvore muito ornamental devido ao seu belo tronco de coloração avermelhada durante alguns meses do ano, e pela sua florada branca, que exala um suave perfume doce muito agradável. O tronco e as sementes também são bastante perfumados, sendo que no passado, as sementes eram guardadas junto as gavetas de roupas, para perfuma-las com seu agradável perfume.

 Produz madeira de excelente qualidade, sendo utilizada em móveis finos ou para marcenaria. Floresce geralmente de abril a junho. Planta com propriedades medicinais.

A madeira também é utilizada em toneis, para envelhecimento de aguardente e outros destilados. 

Ótima espécie para uso em reflorestamentos, pois devido a sua excelente madeira, esta planta corre o risco de extinção em algumas regiões do pais. Também é uma boa opção para arborização urbana, quando não há fiação elétrica acima da planta.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe de um belo exemplar de Amburana em Limeira-SP

Detalhe da florada da Amburana, foto da nossa amiga e cliente, Ana Valeria Sbravatti

Detalhe das flores da Amburana, foto da nossa amiga e cliente, Ana Valeria Sbravatti

Detalhe da Amburana da nossa amiga e cliente Ana Valeria Sbravatti, florescendo em grande quantidade

Detalhe da Amburana da nossa amiga e cliente Ana Valeria Sbravatti, florescendo em grande quantidade



sábado, 9 de junho de 2018

Canelinha ou Canela Cheirosa ( Nectandra megapotamica )

CANELINHA ou CANELA CHEIROSA

( Nectandra megapotamica ) - RNC 24511


Nativa desde São Paulo até o Rio Grande do Sul, a Canelinha apesar de ser de médio a grande porte em estado nativo, pode ser facilmente utilizada na arborização urbana, necessitando apenas de podas esporádicas. Produz pequena, porém bela florada levemente perfumada, durante o período de abril a agosto.

Árvore de copa arredondada, é uma boa opção para uso na arborização urbana, sendo utilizada amplamente nas ruas das cidades do interior de São Paulo e Paraná. Seus pequenos frutos servem de alimento para os pássaros.

Espécie indispensável em reflorestamentos de áreas degradadas. Planta rústica, aceita a maioria dos solos. Deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da Canelinha na arborização urbana

Detalhe da copa florida da Canelinha

Detalhe da copa florida da Canelinha

Detalhe da florada

Detalhe da florada



sexta-feira, 8 de junho de 2018

Mini Sapatinho de Judia ( Thunbergia coccinea )

MINI SAPATINHO de JUDIA

( Thunbergia coccinea )


Nativa da Índia, o Mini Sapatinho de Judia é uma trepadeira que produz grande quantidade de pequenas flores em cachos, de coloração que varia do laranja ao vermelho coral. Seus cachos variam muito de tamanho, podendo a chegar a mais de meio metro de comprimento.

Apesar de ainda ser pouco conhecida, possui grande potencial para uso no paisagismo. Deve ser plantada junto a cercas, pérgolas, caramanchões ou alambrados para auxiliar seu crescimento. Suas flores são atrativas de beija-flores.

Planta de rápido crescimento, deve ser plantada a pleno sol ou meia sombra. Gosta de solos férteis e úmidos, com boa drenagem. As mudas começam a florescer em poucos meses após o plantio.

Mudas desta espécie são comercializadas pela Ciprest. www.ciprest.com.br

Veja mais fotos abaixo:


Detalhe da florada

Detalhe da florada

Detalhe das flores

Detalhe da florada

Detalhe da florada

Belo exemplar de Mini Sapatinho de Judia fotografado por nosso amigo e cliente Sávio Martins, de Três Pontas -MG