quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Fruta do Imperador ou Guapeba Imperial ( Chrysophyllum imperiale )

FRUTA do IMPERADOR ou GUABEPA IMPERIAL

( Chrysophyllum imperiale ) - RNC 37538

(RNC Solicitado ao Mapa Brasília por Edilson Giacon em 01/08/2017 , protocolo JR310017896BR, concedido em 09/11/2017.)


Foto 1: veja.com.br
Foto 2: arvores.brasil.nom.br
Foto 3: arvores.brasil.nom.br
Foto 4: wikipedia.org
Nativa da região de Mata Atlântica do Estado do Rio de Janeiro e do sudeste de Minas Gerais, era uma fruta que existia em abundancia no período do Brasil Colonial. Apreciada tanto por Dom Pedro I, e sobretudo por Dom Pedro II, que disseminou mudas para vários jardins botânicos no mundo, dos países em que visitou.

Infelizmente com a queda do Império e inicio da República, esta árvore caiu em desgraça. Mesmo no período imperial, esta espécie já era rara, devido ao uso de sua madeira para construção naval. Porém a principal razão de sua extinção, deve-se a simbologia e vinculo com a história imperial, no qual, os primeiros governos republicanos quiseram eliminar a qualquer custo, sendo assim, foram sendo cortadas uma a uma, as "Árvores Simbolo do Império".

Graças ao empenho e determinação de várias pessoas, entre elas, Harri Lorenzi , Marco Lacerda, Eugenio Arantes de Melo, e alguns outros, esta árvore tão importante na história do Brasil, foi reintroduzida no país, graças a sementes oriundas de um exemplar doado por Dom Pedro II para o Jardim Botânico de Sydney, na Austrália. Posteriormente, com a divulgação da história desta planta e suas características botânicas, foram descobertos alguns poucos exemplares desta árvore, que escaparam da "caçada", presentes pelo território brasileiro.

A partir de então, vem sendo possível a reprodução de mudas desta espécie, ainda que de forma lenta, devido a poucas plantas existente em idade de produzir frutos. Com isso esta se tornando possível a disseminação desta árvore que chegou a ser considera extinta em solo brasileiro.

Frutífera que lembra muito o Abio, produz frutos de sabor doce e muito agradável, de casca dura com polpa suculenta.

Árvore muito ornamental de médio a grande porte e de rara beleza, chega a ficar com até 20 metros de altura. De fácil cultivo, pode ser plantada tanto a pleno sol ou meia sombra. Gosta de solos férteis e úmidos, com boa drenagem.

Mudas desta incrível espécie são comercializadas pela Ciprest ( www.ciprest.com.br ), graças a nossa parceria com a e-jardim, que propaga mudas desta incrível fruta com afinco.

Saiba mais informações da Árvore do Imperador:










8 comentários:

  1. Sensacional, Gustavo! Mais uma bela postagem. Vi o vídeo também, muito interessante e instrutivo. É dessa forma que o interesse no plantio vai sendo despertado. Parabéns pelo trabalho!

    ResponderExcluir
  2. Uma curiosidade, a muda vendida por vocês veio de algum Jardim Botânico do exterior, ou de coletas feitas na mata do Rio de Janeiro? Em uma reportagem do Harri Lorenzi, ele diz que a muda que ele tem veio do exterior (acho que do Jardim Botânico da Austrália). Seria legal que fossem vendidas mudas com diferentes históricos de coleta, para garantir a variabilidade genética da espécie. Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Sim, a nossa primeira matriz, também é originária da única planta antiga que frutifica fora do Brasil ( descrita ) , plantada no Jardim Botânico de Sydney, Austrália. Estamos plantando outra originária da Cidade do RJ, descoberta a pouco tempo pelo nosso amigo Marco Lacerda. Também temos mudas desta do RJ para venda. resultado da parceria comercial da Ciprest com o viveiro e-jardim do Marco Lacerda.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia tenho interesse em duas mudas ! Uma gostaria que fosse da linhagem de sydnei e a outra do rio de janeiro. Ppderia passar o orcamento para o cep 13890000

    ResponderExcluir
  5. Eu adquiri duas mudas em 2016, plantei uma esse ano (2018) no campus da UERJ aqui no Bairro Maracanã no Rio de Janeiro. A outra muda foi plantada em um sitio na Serra do Matoso, município de Itaguaí, também no estado do Rio de janeiro. Queria adquirir pelo menos mais quatro mudas, mas de outros fornecedores para aumentar a variabilidade genética nos locais de plantio definitivo.

    ResponderExcluir
  6. Boa noite!
    Gostaria de adquirir mudas ou sementes, como faço? CEP 28660000

    ResponderExcluir